Voando para os Estados Unidos de TACA

Ao contrário do que vocês estão acostumados por aí, os meus posts de viagem serão abordados como uma mera mortal viajando para fora do seu país e não uma pessoa super rica indo fazer mais uma de suas viagens, então, vou detalhar as coisas que mais me surpreenderam e as minhas primeiras experiências em um vôo tão longo assim.

Antes de ir aos Estados Unidos eu apenas tinha conhecido a Argentina e o Uruguai, então essa vez foi a primeira que beirei o momento “vou gritar se não esticar a minha perna agora” de todas as minhas viagens.
Viajar do Rio para a Flórida dá por volta de 9 horas e em sua maioria senão todas, com uma parada, que depende da companhia aérea, no caso a minha era TACA, então a nossa ponte foi em Lima no Peru. A TACA que muitos não conhecem e nós também não conhecíamos é da famosa Star Alliance, dona também da TAm, Lufthansa, TAP, U.S Airways,  Air Canada, Avianca, Swiss e muitas outras, então fomos seguros! hahaa

Nosso vôo saiu por volta das 5 da manhã do dia 18 de setembro e fomos em direção ao Peru. O avião contava com dois filmes listados no Guide e rádios embutidos no braço do seu assento com fones de ouvido.

Ou se assistia ao filme em inglês ou português ou ouvia músicas com o seu fone. #curti

Nosso café da manhã foi um sanduíche de queijo com presunto, um pãozinho com manteiga, bolinho e salada de frutas. Simples como qualquer comida de avião, mas foi gostosinho.

O almoço foi salada de maionese, arroz de açafrão, frango com legumes e batatas coradas.
Sempre vem algum acompanhamento, então dessa vez foi o pão com manteiga e um biscoitinho doce.
As bebidas você pode escolher entre refrigerantes, sucos, água, Red Label ou vinho. Bom né?! rs

O prato de perto….estava bem gostoso viu? Gosto de comida peruana! hahaha
Diferente, mas adoro, porque assim conheço culturas diferentes ;P

No final eles distribuem balinhas a vontade de um monte de sabores legais.

Vale lembrar que a TACA por ser de El Salvador possui como regras que as bagagens devem se limitar a 23kg, porém quando o destino final é os EUA, ele passa para 32kg. Much better! hahahahha

— no próximo post: chegada em Miami —

 Bjobjobjo

 

—————————————————————————————————————————————————-

leiamais

– Não sabe para onde vou viajar? Veja aqui!
– Quer conhecer Miami e Orlando? Veja meu roteiro aqui!
– Assista aos vídeos que fiz por lá pelo canal do M&P no Youtube!
 Post completo com todos os lugares e endereços que visitamos com dicas de onde comer e outros.
– Veja tudo o que conheci pela Flórida! 

  • Emily

    Parece estar com uma cara boa! Geralmente comida de avião é ruim, mas essa está com uma cara boa.

    • Aline Rezener

      Estava boa sim!!!! 🙂

  • Guilherme Abreu

    Boa Noite. Estou pensando em pegar esse voo para Miami, mas a escala é bem curta (1h10min). O voo que você pegou também foi assim? Como foi o procedimento para troca de avião? Você teve que pegar a bagagem que já tinha dispachado? Ou ela ja foi direta?

    • Aline Rezener

      A escala foi bem rápida, só deu temo de sairmos de avião e irmos até o outro. Não pegamos malas na escala não, apenas trocamos de vôo. Bem tranqulo, é só seguir o fluxo que não tem erro :p