Cotas de Compras da Alfândega

malucasepiradas-disney-viagem0orlando-estadosunidos-cota-alfandega-receita-federal

Oi galera, tudo bem?
Recebo muitos e-mails me perguntando o que podem levar pro Brasil sem se preocupar em pagar taxa e os valores certinho para não serem pegos de surpresa no aeroporto, então resolvi matar logo essa dúvida em post para facilitar a aproveitar e tirar algumas dúvidas ok? Vamos lá!

Muito importante também avisar que se você for tributado, a taxa é de 60% em cima do valor do produto e se você não declarar naquele papelzinho que eles distribuem no avião, se você for pego pode ser tributado em até 100%. Abaixo de $500 não é necessário declarar ok!?

Se você sair do Brasil com mais de R$10mil (por pessoa) em dinheiro, é obrigatório que declare, não esqueça.

Cada pessoa tem direito a $500 em compras. Esse valor é por pessoa então não adianta querer gastar $1000 em um objeto, pois você irá passar da sua cota, que é INDIVIDUAL ok? Você deve estar pensando: “pow, mas $500 é muito pouco” e é, para isso tem uma listinha de coisas que não entram nessa cota, observe!

Não entram na sua cota de $500:
– Roupas e objetos de uso pessoal,
– Livros e revistas,
– Remédios estão sujeitos a fiscalização da ANVISA e é necessário a receita médica com nome e endereço do paciente, posologia e período do tratamento. É o tipo de coisa que pode ser que nem olhem, mas é bom se prevenir.

Claaaro que você não trará 500 revistas, 200 livros, 600 camisas, pois isso não configura mais uso pessoal, então vamos as limitações de quantidade!

Limitando a Quantidade:
– Produtos de beleza são no máximo 10 do mesmo produto,
– Câmera fotográfica, celular, relógio e óculos podem 01 por pessoa. Se levar o seu do Brasil se certifique de trazer a nota para que não pensem que comprou fora,
– Óculos são 03 por pessoa, porém modelos diferentes. Produtos até US$ 10,00 podem ter no máximo 20 unidades, mas não podem ter mais de 10 idênticos. Produtos até US$ 20,00 podem ter no máximo 20 unidades, mas não podem ter mais de 03 idênticos,
– Roupas e calçados segundo a lista deles, são no máximo 3 de cada tipo/modelo e condizente com o perfil da pessoa, mas ninguém faz isso não é mesmo? Todos compramos roupas, usamos, tiramos etiqueta e presenteamos pessoas, correto?

O que está proibido:
– Produtos destinados a revenda ou uso industrial (aham…rss),
– Brinquedos que simulem arma de fogo, apenas com autorização,
– Produtos falsificados,
– Cigarros e bebidas fabricados no Brasil, mas destinados à venda exclusivamente no exterior,
– Cigarro de marca não comercializada no Brasil,
– Armas e drogas,
– Animais da fauna ou espécie aquática.

Ok Aline, mas e o Free Shop, como funciona? No Free Shop você também tem o direito a $500 por pessoa, que não são os mesmos $500 de compras no exterior, no desembarque do Brasil. Se comprar no Free Shop do exterior, o mesmo será somada a sua cota de $500 da viagem ok?

Comprando no Free Shop:
– 20 maços de cigarros de fabricação estrangeira,
– 25 unid de charutos ou cigarrilhas,
– 250g de fumo preparado para cachimbo,
– 10 unid de produtos de beleza,
– 3 unid de relógios, brinquedos, máquinas, aparelhos, equipamentos, jogos ou instrumentos elétricos ou eletrônicos,
– 24 unid de bebidas alcoólicas (máx de 12 unid de cada).

Pulos do gato:
– Tire as etiquetas das roupas e use-as o máximo que puder,
– Abra os perfumes e os use,
– Tire tudo de suas caixas e não traga com você,
– Distribua produto em grande quantidade em outras malas,
– Deixe as notas em mãos caso precise apresentar,
– Se jogaaaaaa!!! ;P

Espero ter ajudado! 🙂
Até amanhã.
Bjobjobjo

 

leiamais

 Veja o meu roteiro e tire ideias!
– Compre online pela Malucas & Piradas Shop!
– Faça suas encomendas e armazene suas malas conosco. Veja como aqui!
– Todas as informações e pulos do gato. Veja aqui!
– Assista a todos os vídeos que fiz na Flórida, enquanto turista, aqui!
 Post completão com tudo o que você precisa para a viagem!
– Me siga pelo Instagram e Facebook e fique por dentro das novidades!

  • Peterson Hein

    Uma duvida .. ” Câmera fotográfica, filmadora, ipad, ipod,video game , celular e notebook podem 01 por pessoa. Se levar o seu do Brasil se certifique de trazer a nota para que não pensem que comprou fora” …. Então, se eu comprar um Playstation lá ele não entraria na cota? Se for um só claro

    • Aline Rezener

      Se você não passar da sua cota de $500 não haverá problema. Lembrando que $500 para TODOS os eletrônicos, não para cada um e você só tem o direito de trazer 1 de cada tipo dessa lista ser precisar declarar.

  • Aline Rezener

    Por pessoa.
    Bjs

  • Priscila

    Aline boa tarde, primeiramente ótimas dicas e excelente post. Dúvida, obrigatoriamente cada pessoa tem que sair do Brasil com 10 mil reais ou se sair deve obrigatoriamente declarar? Desde já agradeço. Bjs

    • Aline Rezener

      Priscila, você pode levar qualquer valor, porém se passar de R$10mil será necessário que você declare
      Bjobjobjo

      • Priscila

        Entendi… muitoooo obrigada pelo retorno. Abs na Melinda e no Hélio. E obrigada pelo carinho com que vc faz seus conteúdos. Adoroooo! (Como vc diz e eu adoro) bjo bjo bjo

        • Aline Rezener

          Obrigada lindona! rss
          Bjuuu

  • Dedé

    Voltei essa semana de Orlando , chegamos bem cedo , meio de madrugada . Nem nos deram a declaração p preencher no avião . Pegamos as malas e saímos , apenas sob o olhar de uma agente meio sonada tb … nada de stress….

    • Aline Rezener

      Deu MUITA sorte!!! rsss

  • Renata Santos

    Como sempre, mandou muito bem, Aline! Só uma duvidazinha…. não seria 50% de tributo, ao invés de 60%? Achei que 60 fosse apenas para encomendas via correio.

    • Aline Rezener

      Eu sempre soube que era 60% e quando fui fazer pesquisas para esse post todas as informações que tive é que é 60% mesmo.

      Obrigada pela força 🙂
      Bjobjobjo

      • Celio Pereira

        Cuidado com esses 60%. Como foi dito no post, isso só vale se você optar por declarar o excesso. Se optar por “nada a declarar” e for “pego na mentira”, além dos 60% de imposto, paga 100% de multa.

  • Carolina Aguilera

    Ola Aline tudo bom? vc sabe me dizer se temos que declarar o carrinho de bb e o bb conforto nesses $500 permitidos??

    • Aline Rezener

      Oi querida, se você não comprou acima de $500 não precisa declarar. Creio que se a criança usar, e estiver usando ao passar na imigração também não haverá problemas.
      Bjs,

  • Jean Silva

    Aline,

    Em “Limitando a Quantidade” você afirma que é possivel trazer e sem ser tributado 01 relógio por pessoa, mas depois você informa “- Relógio pode 03 por pessoa.”

    Quantos relógios eu realmente posso trazer sem ser tributado?

    Seu blog e seus vídeos são show!!! Muito esclarecedores. Continue assim!
    Abraços

    • Aline Rezener

      Olá Jean, tudo bem?
      Estou corrigindo agora essa informação do post, desculpe.
      O correto é 01 relógio por pessoa ok?
      Obrigada pela força.
      Abs,

      • Jean Silva

        Não há do que!
        Queria eu que você estivesse certa! kkkkkkk… Eu iria trazer muitos relógios!

        Abraços!

        • Aline Rezener

          hahahahahaah mas isso é uma coisa que todos fazem….compram no mínimo um por pessoa da viagem para trazer 😛

  • Vivian

    OI Aline!
    Como fica a questão de computadores? Eles encrencam? Entra como uso pessoal, assim como a camera?

    • Celio Pereira

      Computador não é considerado de “uso pessoal” para a alfândega. Nem sendo laptop, notabook, tablet, etc… Já passei com um laptop de mais de US$ 1K na mochila e não fui parado: dei sorte.. E já fui questionado sobre um laptop de fabricação nacional. Resumindo: se não der sorte de passar “direto”, eles encrencam sim.

  • Celio Pereira

    Contribuindo: atenção ao levar um laptop/notebook/tablet para usar nas férias no exterior. Na volta, se o equipamento for de fabricação nacional (teclado ABNT, selo Anatel, etc…) nem precisa de nota pois é óbvio que não é importado. Se for importado e foi adquirido no Brasil, precisa mostrar a nota comprovando assim que entrou legalmente no país. Se for importado tem que provar que entrou legalmente no país. Mesmo que ele seja antigo e tenha marcas de uso. Por isso, se você comprar um equipamento desse tipo e pretender levá-lo para fora do país algum dia, é aconselhável declarar sua entrada, passando ou não da cota de U$ 500, pois numa próxima reentrada, o valor dele poderá ser adicionado à sua cota. Não existe mais aquela “declaração de saída” de importados que havia “antigamente”

  • Angelina

    Aline, estarei indo à Orlando em outubro e gostaria de saber se minha filha de 3 anos tbm tem o direito a cota de $500.
    Desde ja agradeço lindona. Bjoz

    • Aline Rezener

      Olá Angelina, aconselho que se informe melhor, pois eu realmente não sei dizer.
      Bjs,

  • aline

    Ola Aline, td bem? Se eu trouxer 1 iPhone pra mim eu preciso declarar? Já vou estar com meu cel do Brasil com nota, e o novo iPhone será pra mim tb.
    Bjbjbj

    • Aline Rezener

      Infelizmente você pode dar sorte de passar direto se não declarar e passar de boa ou acabar sendo pega e ter que declarar 100%. Declarando vc paga 60%.
      Bjobjobjo